Arte Africana - Máscara - Dahomey 1960 - Cartaxo

Quinta-feira, 20 Dezembro 2012

Detalhes do anúncio

Cidade: Cartaxo, Santarém
Operação: Venda
Preço: € 1.250

Contato

Nome ferpaul
Número de telefone 910133696

Detalhes da publicação

Máscara em peça de madeira exótica, tratada á base de oxibetume aquecido, que a torna inalterável, com embutidos de diversos materiais, tais como pedaços de latão, búzio e missangas multicolores coladas a quente.
Esta máscara entre outras do mesmo género – todas diferentes – esculpidos em madeira pelos mestres escultores yorubas, decoraram entre palmeiras os lugares onde decorreram as cerimónias alusivas à independência do Dahomey, África Ocidental, em Agosto de 1960. (presentemente República do Benim)
Dahomey foi uma colónia francesa e uma parte da África Ocidental Francesa de 1904 a 1958. Após a II Guerra Mundial, pelo estabelecimento da Quarta República Francesa em 1947, Dahomey tornou-se parte da União Francesa, com uma maior autonomia. Em 11 de dezembro de 1958, a Quinta República Francesa foi criada a União Francesa e se tornou a comunidade Francesa. A colónia tornou-se a governo autónomo República do Dahomey na Comunidade, e dois anos depois, em 1 de agosto de 1960, ganhou a independência completa e em 1975, mudou seu nome em República Popular do Benim.
Dimensões: Altura; 1,5 m., Largura; 0,385 m., Peso; 14 Kgs.
Nota: Mascara com 52 anos, em excelente estado de conservação, pelo modo do seu tratamento artesanal que realmente a deixa inalterável, além da sua beleza sob o ponto de vista artístico. Como referido, existem outras do mesmo género alusivo à festividade, (hoje) expostas mundo fora.
Excelente para colecionadores, amantes da, tão nobre Art African.
Denunciar este anúncio